domingo, 11 de outubro de 2015

Se você me abandonar "Carneiro Portela"


Se você não me quiser 
tomo licor de pimenta 
bebo leite de jumenta 
num lhe dou mais cafuné 
desembrabeço a maré 
pra ver a praia endoidar 
eu faço a cobra fumar 
se você fugir de mim 
eu vou mudar de camim 
se você me abandonar.

Se você não me quiser 
bebo chumbo derretido 
e nunca mais lhe convido 
para ser minha mulher 
num tem mais lua de mé 
nem faço o sino tocar 
nos lugares que eu pisar 
num pode nascer capim 
eu vou mudar de camim 
se você me abandonar.

Se você não me quiser 
arranco o rabo do peba 
a galinha se amanceba 
com outro bicho qualquer 
não dá um adeus sequer 
com vergonha do preá 
e na hora de acordar 
fica tocando clarim 
eu vou mudar de camim 
se você me abandonar.

Se você não me quiser 
não é bom que se afoite 
escovo a boca da noite 
arranco a torre da sé 
depois digo porque é 
qui a muda não quer falar 
o sol pára de brilhar 
seu eu estiver sozim 
eu vou mudar de camim 
se você me abandonar.

Se você não me quiser 
eu dou um susto na morte 
talvez ela não suporte 
se eu lhe der um cangapé 
e na hora que eu estiver 
danado pra namorar 
digo a ela pra estourar 
o meu amor com estupim 
eu vou mudar de camim 
se você me abandonar

Se você não me quiser 
quebro a tampa do pinico 
mas sozim não sei se fico 
feito carro sem chofer 
me dane se eu não fizer 
a minha égua rinchar 
e depois que me olhar 
eu jogo ela pro vizim 
eu vou mudar de camim 
se você me abandonar.

Se você não me quiser 
eu ensino um burro a ler 
e peço a ele pra dizer 
que você ainda me quer 
mas se ela me disser 
que você não quer voltar 
eu digo a ele pra falar 
nem que seja no latim 
eu vou mudar de camim 
se você me abandonar.

Se você não me quiser 
eu fico brabo outra vez 
e monto na gata pedrez 
se outra igual não houver 
se ela um chute me der 
não ligo, tô com azar 
mas se ela não concordar 
qui eu sô bem bonitim 
eu vou mudar de camim 
se você me abandonar.

***

Antonio Carneiro Portela, (Coreaú, Ceará, 15 de julho de 1950), mais conhecido como Carneiro Portela, é um radialista, apresentador de televisão, pesquisador e poeta brasileiro.

Carneiro Portela é advogado, sendo ainda graduado em Letras pela Universidade Estadual do Ceará, com ênfase em Literatura e Língua Portuguesa.
Fonte: wikipedia

Nenhum comentário: