quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Por debaixo dos panos

Novamente estou postando esta música da Marinez!
E meu pai adorava!

Eu tambem!


A música é antiga, a mania também. Mas costumes reais e atuais. Mania que nunca se foi. Mania que permanece!

*****

O que a gente faz, 
É por debaixo dos pano
Prá ninguém saber, 
É por debaixo dos pano
Se eu ganho mais, 
É por debaixo dos pano
Ou se vou perder, 
É por debaixo dos pano
É debaixo dos pano, 
Que a gente esconde tudo
E não se fica mudo, 
E tudo quer fazer
É debaixo dos pano, 
Que a gente comete um engano
Sem ninguém saber
É debaixo dos pano, 
Que a gente entra pelo cano
Sem ninguém ver
O que a gente faz, 
É por debaixo dos pano
Prá ninguém saber, 
É por debaixo dos pano
Se eu ganho mais, 
É por debaixo dos pano
Ou se vou perder, 
É por debaixo dos pano
É debaixo dos pano, 
Que a gente não tem medo
Pode guardar segredo, 
De tudo que se tem
É debaixo dos pano, 
Que a gente fala do fulano
E diz o que convém, 
É debaixo dos pano
Que eu me afogo, 
Que eu me dano
Sem vê o meu bem
Marinêz

Nenhum comentário: