segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Pau de Arara

Luiz Gonzaga




Esta é uma das músicas, que não consigo ouvir sem encher os olhos de lágrimas, tantas são as recordações que ela me traz. Cresci ouvindo a minha mãe cantarolando e meu pai assobiando enquanto trabalhava. Parece que eles ao cantar, lembravam também da sua história.

Nenhum comentário: